O Bando – O Bando (1969)

Apesar de sua participação no IV Festival Internacional da Canção Popular com a música “Longe do Tempo” ter passado batida para muitos, O Bando é um dos grupos brasileiros de rock mais interessantes da década de 60. Tendo nascido a partir do conjunto jovem-guardista Os Malucos, que em 1965 fazia sucesso tocando em bailes e boates paulistanas, a banda abraçou o movimento da Tropicália quando este explodiu. O resultado dessa transformação é um som que une os traços do rock de garagem sessentista à MPB.

Em 1969 a banda gravou seu primeiro e último. Nele, O Bando interpreta, com um indispensável órgão elétrico dando um tom psicodélico e acompanhado de uma banda de metais, uma série de músicas que fizeram sucesso nos festivais da canção, como “Disparada”, de Geraldo Vandré e “Alegria, Alegria”, do Caetano. O disco traz também canções originais, como “Sala de Espera” e “Pela Rua da Praia”, além da instrumental “…E Assim Falava Mefistófeles”. Enfim, trata-se de um álbum interessante, que traz um misto singular de tropicalismo com rock de garagem.

Fonte: Blog Saqueando a Cidade

Publicado por: DISCOBRIDOR